Notícias

Caminhos Missionários de Lisboa – O Colégio de Campolide (segunda edição)

Depois do sucesso da visita passada, decidimos abrir um novo passeio ao mesmo local, dada a grande afluência de inscrições que ultrapassaram o número possível.

Assim, os Caminhos Missionários de Lisboa levam-nos novamente, no próximo dia 11 de março, ao edifício que, na sua origem, foi o Colégio de Campolide da Companhia de Jesus e onde hoje se encontra instalada a Nova School of Business and Economics / Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa. Visitar este espaço é recordar a importância histórica deste Colégio quer na formação dos seus alunos quer no contributo dado pelos Jesuítas no campo do ensino científico.

1904 Colgio de Campolide.26 thumb22

Sabia que uma das torres do Colégio foi construída para apoio às observações de astronomia dos alunos do Colégio? Sabia que a atual Igreja de Campolide foi, na sua origem, a Capela do Colégio de Campolide?

Para nos contar todas estas histórias teremos a companhia do Francisco Malta Romeiras, Doutorado em História da Ciência e cuja Tese de Doutoramento se centrou no ensino científico da Companhia de Jesus nos séculos XIX e XX em Portugal.

Data: sábado, 11 de março
Local de Encontro: porta da Igreja de Santo António de Campolide
Hora: 14h30
Tempo estimado da visita: 2h30m
Contribuição: 10€ (donativo entregue no próprio dia)
N.º de participantes: 25 (caso o n.º de interessados seja superior teremos de efetuar uma seleção com base na ordem de chegada das inscrições)
Inscrições:
- E-mail: geral@leigos.org
- Telefone: 21 757 42 78
A inscrição via e-mail deverá informar o telemóvel de contacto.
Data limite de inscrição: 08 de fevereiro
Acessos:
- Rua de Campolide: Autocarro 758 / Entrada junto à Igreja de Campolide / Lugares de estacionamento junto à Rua de Campolide
- Bairro Azul: Metro (Estação de São Sebastião) / Entrada em frente à Mesquita de Lisboa e à Escola Marquesa de Alorna / Lugares de estacionamento em frente à Mesquita e Banco Santander.

A quem se queira inscrever, caso tenha de desistir pedimos que nos informe atempadamente. Será uma forma de garantir a máxima participação de pessoas (e, consequentemente, de contribuições).

Não perca esta nova oportunidade. Venha connosco e divulgue esta iniciativa!