Projetos Concluídos

Em 2001, em resposta à necessidade expressa pela população da Aldeia Kmanek, Bairro de Balide, e como forma de colmatar as lacunas do ensino pré-primário e ocupação de tempos livres de crianças em idade escolar, os LD criaram uma Ludoteca. A sua atividade pretende desenvolver as capacidades criativas e físicas nas crianças, através de jogos educativos e do desporto, oferecendo a estas crianças e às das aldeias próximas (Bairro My Friend, China Rate, Mascarenhas e Taibesi) o acesso a um espaço de nível pré-escolar.

 

Desde a sua criação, procurou-se que as ações desenvolvidas estivessem abertas à comunidade, incentivando a participação dos pais e irmãos mais velhos das crianças. Do envolvimento e interesse dos pais resultou, em 2004, um projeto de aulas de ensino pré-primário para as crianças entre os 4 e 5 anos de idade. Para além de aprenderem o Português, as crianças participam em atividades que facilitam a sua futura integração na escola primária.

 

Ao nível da educação, a falta de professores com formação adequada; bem como de espaços, como bibliotecas, que constituem importantes centros de aquisição de conhecimentos e de enriquecimento pessoal, sobretudo para uma população maioritariamente jovem, levaram os LD a apoiar o Colégio de São José, o Externato de São José e a Escola de Santo Inácio. Para além de lecionarem, os LD promovem ações de formação de professores, procurando nunca se substituírem aos professores locais mas antes, em total apoio e cooperação com os mesmos, enriquecê-los a nível pedagógico.

 

O combate à pobreza enfrenta um amplo conjunto de problemas, dos quais se destacam as restrições ao nível dos recursos, incluindo a falta de capital, de serviços económicos de apoio ou de oportunidades para o trabalho remunerado. Em 2004, os LD iniciaram a sua colaboração com o Gabinete de Micro-Empresas do Centro Juvenil Padre António Vieira (CJPAV). Esta valência tem por objetivo dar apoio à conceção de projetos empresariais, formação em gestão, microcrédito e capacitação de novos empresários, contribuindo em simultâneo para a diminuição das disparidades rurais/urbanas e regionais.

 

Ainda no CJPAV, para além do apoio ao Gabinete de Micro-Empresas, é de destacar a assessoria ao Gabinete de Informação, o apoio à criação do Centro de Estudos e Reflexão sobre a Identidade Timorense e a dinamização do Voluntariado Juvenil. A resposta dos LD centra-se no apoio à resolução dos problemas levantados pelos parceiros locais, com recurso ao Plano de Desenvolvimento Nacional de Timor-Leste.

 

Como missionários cristãos, os LD apoiam a paróquia de Balide, ensaiando o coro infantil, orientam retiros para os jovens da Comunidade “Amigos de Jesus”, lecionam religião e moral na Escola de Sto. Inácio, colaboram com os escuteiros e, no ano de 2005, prepararam um grupo de jovens para participarem nas Jornadas Mundiais da Juventude, na Alemanha.

 

Em 2010/2011 a nossa presença em Timor-Leste focalizou-se apenas num projecto:

 

“Edukasaun fó hahú hosi kiik”. “A Educação começa pelos mais pequenos”: Ensino Pré-Escolar e consolidação da Língua Portuguesa em Dili.

 

O grande objetivo foi promover o desenvolvimento cognitivo das crianças em idade pré-escolar, facilitando a sua transição para o ensino primário lecionado em Língua Portuguesa, através da capacitação técnico-pedagógica da Pré-Escola Santo Inácio e dos professores de pré-escolar.

 

O projeto perspetivou dois anos de trabalho focado na formação dos técnicos da Pré-Escola e no aumento das infra-estruturas existentes, de forma a se atingir a acreditação formal da instituição e aumentar a qualidade do ensino lecionado.

 

Em dezembro de 2012 o projeto passa definitivamente para o parceiro local.